O Rocky Man 2015 foi o mais disputado dentre as quatros edições que ja rolaram desta que è a maior competição multiesportiva do Brasil.

Depois da etapa de canoagem, a briga estava acirrada entre as equipes da Nova Zelândia e Escandinávia — os neozelandeses ainda estavam à frente, menos de dois minutos.
Mas na corrida final por equipe, o trecho final de 13 km entre a Praia Vermelha e a Lagoa Rodrigo de Freitas, os nórdicos tiraram a diferença, somando 10h59min48s.
Os kiwis pelo menos garantiram o vice-campeonato, com o tempo acumulado de 11h01min15s. Além de nunca nenhum outro Rocky Man ter sido tão disputado, esta foi a primeira vez também que o Team USA e — seu capitão Paul Romero — não ganham o evento, que celebrou em 2015 sua quarta edição.
Foi a primeira vez que o time Escandinávia participa de um Rocky Man. O time na verdade foi escalado pelo brasileiro Marcio Franco, nome conhecido da corrida de aventura no Brasil e que mora atualmente em Voss, na Noruega.
“Demorei 4 meses para formar este time”, disse Marcio, que teve que caçar os atletas pelo seu o país.
A primeira equipe brasileira no ranking geral foi a conhecida Núcleo Aventura, que terminou o RM 2015 em 11h13min39s, na terceira colocação. Eles foram seguidos pelo Team USA e pela paulista Quasar Lontra. Em sexto ficaram os franceses, velhos conhecidos do Rocky Man
COMPARTILHAR